Vereador provoca e quer criar “Dia contra Corrupção na Prefeitura”

15

Após o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) encaminhar à Câmara mensagem para a criação do “Dia do Perdão”, o vereador Dilemário Alencar (Solidariedade) apresentou projeto de lei para criar o “Dia de Conscientização Contra a Corrupção na Prefeitura de Cuiabá”.

 

Ambas as propostas sugerem o dia 2 de novembro como data, justamente o dia em que Emanuel recebeu autorização da Justiça para retomar o cargo, após 37 dias afastados por suspeita de esquemas.

 

“O afastamento não trouxe nenhuma humildade a ele, mas sim a certeza da impunidade. Ele desdenha da justiça mato-grossense e do Ministério Público”, disse Dilemário.

Essa zombaria do prefeito é inaceitável. São graves denúncias em que ele é acusado de chefiar uma organização criminosa 

“Essa atitude do Emanuel é um tapa na cara do povo cuiabano, principalmente daqueles milhares que sofrem nas unidades de Saúde com a falta de medicamentos, devido à crônica corrupção na saúde de Cuiabá”, disse.

 

Segundo ele, o seu projeto é uma resposta à “prepotência” do prefeito, que se comporta como indivíduo que pode “praticar as maiores falcatruas e que nada pode acontecer a ele”.

 

“Essa zombaria do prefeito é inaceitável, visto que a decisão do desembargador que permitiu o retorno dele ao cargo, não proibiu a continuidade das investigações. São graves denúncias que pesam contra ele, onde é acusado de chefiar uma organização criminosa instalada na prefeitura para roubar dinheiro público”, disse.

 

Segundo Dilemário, atualmente estão em andamento nove operações policiais que investigam o desvio de mais de R$ 250 milhões dos cofres da prefeitura na gestão do prefeito Emanuel Pinheiro.

Fonte: Mídia News

Comentários estão fechados.